UNIDADE LARANJEIRAS : Rua das Laranjeiras, 84 - Laranjeiras, RJ Tels.: (21) 2556-7786/ 2285-9058 / 25564945 / 32356525 |  Whatsapp: 981238855  |  Domingo a Domingo de 8h às 20h

ESPECILIADADES vet care

Oftamologia


Oftamologia Especialidades Vet Care

Nosso trabalho em Oftalmologia Veterinária prioriza a saúde ocular e prevenção de oftalmopatias hereditárias e adquiridas. É recomendado um exame ocular em filhotes de 4 meses e, a partir dos 7 anos, exames oculares anuais objetivando a prevenção, pois muitas patologias tem surgimento silencioso e sem sinais e sintomas aparentes. A atenção deve ser maior aos sinais de lacrimejamento excessivo, olho vermelho, piscar excessivo, coceira, secreção ocular, aumento do globo, alteração de cor, entre outros, pois podem ser sinais de patologia ocular e o diagnóstico precoce é imprescindível para o tratamento e manutenção da integridade do olho. Também oferecemos o serviço de ultrassonografia ocular em modo A e modo B, especializado em oftalmologia e fundamental para diferenciação de estruturas intraoculares e auxílio diagnóstico mais preciso. E também o exame de eletrorretinografia, que consiste em um exame complementar e específico para avaliar a função da retina. Na maioria das vezes, o animal deve estar anestesiado, caso contrário, ele não costuma permitir o posicionamento e permanência dos eletrodos nas posições adequadas. É um exame essencial em 3 casos: avaliação da retina para cirurgia de catarata (se é normal ou se tem algum grau de degeneração de retina); conclusão diagnóstica de SARD; e avaliação de cegueira central. O estímulo luminoso emitido pelo aparelho é captado pelos eletrodos e enviado para o computador, aonde se forma um gráfico e então o oftalmologista veterinário pode fazer suas conclusões diagnósticas. É um exame não invasivo, de curta duração, sem estímulo doloroso que permite avaliação imediata da função retiniana. Além no serviço de oftalmologia clínica, são realizadas cirurgias extraoculares e intraoculares conforme a indicação de tratamento das oftalmopatias, dentre elas a cirurgia de catarata.  Catarata é a opacificação da lente intra-ocular do olho. Muito confundida com esclerose de núcleo do cristalino (processo fisiológico que causa aspecto enuveado no cristalino devido ao endurecimento do mesmo). Em cães, costuma ter caracter hereditário e surgir entre 5-8 anos de vida, mas também pode ser medicamentosa, inflamatória ou senil. Existem estudos de antioxidantes que tentam impedir a evolução da catarata quando diagnosticada no começo, mas ainda estão em estudo. O único tratamento comprovado é a cirurgia de catarata pela técnica de facoemulsificação, exatamente a mesma realizada em humanos. Pode ser colocada a lente artificial ao final da cirurgia, ou não, esta não é imprescindível para que o animal volta a enxergar. Existem prós e contras que falam a respeito do implante da lente intra-ocular. Outras técnicas são indiscutivelmente inferiores em seus resultados. Não é toda catarata que é operável, por isso se faz necessário alguns exames específicos, tentando assim estabelecer um prognostico para a cirurgia. E, por ser uma cirurgia muito delicada, as revisões frequentes são imprescindíveis para a maior taxa de sucesso, ou seja, que seu animal volte a enxergar adequadamente.